Questão de restaurante aberto (madrugada adentro)

Era o meu sonho ter um restaurante, sem erro, para ir depois da meia-noite. Até conseguir remover todas as pedras do caminho, em geral eu só consigo pegar cinema quando já passou das nove. E como São Paulo não é uma cidade 24 horas (não é, mesmo, e não estou falando de balada e sim de função regular), posso passar fome, ter um pouco de ‘mais do mesmo’ ou voltar para casa e fazer uma comida. As possibilidades nesse horário em geral são — salvo proverbiais exceções das quais quase me esqueço — armadilhas e/ou bares e algumas pizzarias ou cantinas nos arredores de algum teatro do centro e que não fazem cara (muito) feia quando o cliente chega perto da meia-noite. No mais, a cozinha já fechou, vai fechar, está fechando.

Foi assim que depois de uma sessão na região da Augusta eu encontrei meu lugar no Netflix, zapeando no quentinho da minha casa, prato fundo cheio de macarrão e queijo grana padano e prestes a embarcar em uma daquelas buscas sem fim (você fica mais tempo procurando o filme do que assistindo).

O restaurante dos meus sonhos é o Midnight Diner. Funciona da meia-noite às sete da manhã, é acolhedor, e o cozinheiro/chef/dono faz qualquer prato de comida desejado pelo cliente, desde que tenha os ingredientes. Além disso, ele é praticante de alteridade. Se perguntar, talvez responda com uma recomendação culinária (a massa que dá mais certo com o lámen, o segredo da omelete perfeita etc.) ou com um conselho sentimental. Para ser perfeito, só precisava existir.

Midnight Diner, Tokyo Stories, é uma série em dez capítulos, dez contos, dez pratos de comida, dez dilemas morais/sentimentais etc.. Tem um longa-metragem também, tudo baseado em um mangá. Trailer e mais informações neste link.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s